Beira

Arnaldo Antunes / Liminha

Dia sim, dia não
Ainda tenho muito chão
Dai vai, dia vem
Sempre um pouco mais além

Beira, beira, beira
Beira, beira, beira

Dia não, dia sim
Ano bom, ano ruim
Dia vem, dia vai
Sempre um meteoro cai

Pare para aurora
Pare pra aurora
Pare pra aurora
Aurora boreal

Dia sim, dia não
Esperando a explosão
Dia vai, dia vem
Todo tempo é de ninguém

Andar a pé, a pé, andar andar
Andar a pé até a beira se acabar
Andar a pé, a pé, andar andar
Andar a pé até a beira se acabar

Beira, beira, beira
Beira, beira, beira

Dia xis, dia dê
Gelo para derreter
Dia bem, dia mal
No outro dia tudo igual

Dia pé, dia chão
Vou regando meu sertão
Dia dê, dia xis
Todo dia por um triz

Beira, beira, beira
Beira, beira, beira

© BMG / BMG

CD “Na laje”, Mõnica Freire, Opendisc, 2008
Beira